Hoje é 18/10/17 ,Quarta-Feira, dia de Xangô

Olubajé (Olúgbàjẹ) 2017

Rito a Obaluaê acontece no Barracão.

Rito a Obaluaê acontece no Barracão.

Obaluaê não traz saúde, Obaluaê leva a doença embora.
 
Este é o fundamento seguido pelos membros do Terreiro Barracão de Pai José de Aruanda no dia do Olubajé, ritual específico para o Orixá Obaluaê que acontece anualmente na casa.
 
“Obaluaê é o Orixá que detém o poder das doenças e da morte e por isso não se pede saúde a Ele e sim que Ele seja misericordioso conosco e mantenha os males longe da gente” Explica Pai Alexandre Falasco, sacerdote do Barracão.
 
O Olubajé não é, portanto, uma festa e sim uma celebração de agradecimento e súplica, cujos atos ritualísticos remetem aos fundamentos e lendas (Itãs) deste poderoso Orixá.
 
A pipoca estourada espalhada por todo o terreiro simboliza a passagem mítica em que Obaluaê teve suas feridas transformadas em pipoca por Iansã, este parte da liturgia também é citada pela Mãe Silmara numa parte do ritual.
 
Sob cantigas específicas em Iorubá e toques do Opanijé ressoando pelos aguidavis dos ogãs, vem em terra os mensageiros de Obaluaê nos médiuns devidamente preparados pelo doburú do dia anterior e Obaluaê, com seu Aṣo Ikò (roupa feita de palha da costa) dança e lança pipocas aos presentes em sinal de axé.
 
Abaixo fotos do rito clicadas pela filha-de-santo Daniele Vertuan.