Hoje é 25/05/17 ,Quinta-Feira, dia de Oxóssi

O questionável termo Exu

O nome "Exu” designa espirito evoluído ou de baixa vibração?

Por: Alexandre Falasco

O nome "Exu” designa espirito evoluído ou de baixa vibração?

Infelizmente não é difícil encontrar lugares que denominam toda e qualquer classe de espíritos ainda em evolução pelo termo EXU. Seja um quiumba, um obsessor, ou um compadre que quer e pode ajudar.
 
Seria tudo a mesma coisa? Tudo é Exu?
 
Deixando de lado a antropologia do nome Exu, a ligação com o Orixá original, etc. vou dar aqui minha opinião, dentro do contexto da pergunta acima, na prática, lembrando sempre que cada casa, cada escola umbandista, tem as suas formas de "denominar" cada manifestação espiritual. O que não vale é misturar as estações. Portanto, se um "encosto" que estava te atrapalhando, é chamado de "Exu" pela doutrina da sua casa, com certeza devem dar outro "NOME" para os espíritos dos nossos compadres que vem em terra tão somente para nos ajudar. Caso contrário, é melhor mudar isso, Exu não é “encosto”, nem de longe.
 
O substantivo "Exu" é uma nomenclatura, que, infelizmente, pode ser creditada a diversas coisas e seres, dependendo de QUEM dá esse crédito, pois todos são livres para sair por aí falando o que bem entendem. Um exemplo disso são alguns pastores e padres, que gostam de creditar esse nome ao diabo.
 
Eu gosto de creditar essa nomenclatura a espíritos que considero meus maiores guardiões, sábios, trabalhadores do plano espiritual em nome da lei Divina.
 
Mas já disse, um nome você pode usar para designar o que quiser. Em um lugar vão dar a espíritos de baixa vibração, espíritos obsessores, a nomenclatura "Exu"; em outro lugar vão usar esse "nick name" para apelidar eguns em qualquer situação que estejam no plano evolutivo; em mais alguns locais esta será a nomenclatura usada para designar uma linha de espíritos bons, evoluídos, que nos ajudam em seu campo de atuação específico. Gosto do último caso e para mim é a única verdade e acertada opção de uso do nome Exu.
 
No terreiro em que eu trabalho usamos esse NOME "EXU" para designar, como eu já mencionei, espíritos do bem, evoluídos e que trabalham para ajudar as pessoas e a si mesmo, evoluindo ainda mais. E tão somente por isso, nesta minha casa, nos recusamos a dar o mesmo "NOME" a espíritos inferiores, obsessores, ou de qualquer outra natureza e/ou função.
 
Simplesmente porque um obsessor é diferente de um egum desorientado, que também é diferente de um espírito trabalhador de Umbanda. Portanto, se em uma casa vão chamar de "EXU" um encosto, que não chamem com o mesmo nome o espírito evoluído que com sua capa preta vem em terra para nos ajudar e defender.
 
O mais importante é saber separar as coisas, não generalizar, e dar nomes diferentes para cada manifestação espiritual.
 
Para misturar tudo e dizer que tudo é coisa do capeta, já podemos contar com os nossos adversários religiosos, que ignoram e nem tem interesse em entender essas diferenças.
 
Nós umbandistas temos essa obrigação, de entender a diferença e no mínimo, creditar um nome diferente para cada manifestação.
 


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in E:\Vhosts\girasdeumbanda.com.br\httpdocs\listar.php on line 165